6.11.2006


Is my university completely different from the Fine Art School in Lisbon? This is the entrance of Coventry University's School of Art and Design. I can Spot a few frinds: Amy, Sarah, Duve... Posted by Picasa

4 comments:

chiquita banana said...

Belas Artes (ESBAL) é uma faculdade muito especial!A zona onde está localizada é uma das minhas preferidas em Lisboa (Chiado) e o edifício, que era um antigo convento, vale bem a pena uma visita.Gosto muito de passar por lá, talvez , por ser o oposto da minha faculdade (FCT da UNL na Costa da Caparica) onde até as pessoas tendem a ser "normalizadas"!!!
Espero é que na tua hajam mais artistas que intelectuais da arte!

Manel said...

Minha amiga chiquita banana,
Já percebi que conheces muita da minha malta. O teu blog ainda não começou mas ja tem alguns links que me são familiares.
Eu sei onde é a ESBAL e até já lá fui a festas. Adoro a casa do Algarve que é logo ao lado e que frequento quando estou por Lisboa. Quando coloquei este post só me estava a perguntar se a minha experiência seria assim tão diferente se o único critério de entrada nas Belas artes aí em portugal não fosse o exame de geometria descritiva (disciplina que nunca tive). Acredito que sim... as forças em jogo seriam outras radicalmente diferentes. Não sei o que é FCT mas imagino que seja algo próximo de uma engenharia. Na minha faculdade, como no mundo, a quantidade de artistas é baixa. Quanto aos intelectuais tenho de te dizer que não acredito na existência da espécie a que te referes: o intelectual da arte. Para se ser um intelectual tem de se cobrir um vasto campo cultural. E mesmo que comecemos a usar o termo como tem vindo a ser usado (intelectual como especialista) então tenho de te dizer que quem percebe de arte em profundidade tem de bombar na Filosofia, na componente tecnica dos trabalhos, na História e até em Ciência... Pelo menos é o que penso.
Espero encontrar-te por aí.
fica bem

chiquita banana said...

Manel, quando falo em intelectuais da arte (se é que essa categoria realmente existe) é por certas pessoas, no meio artístico português, se acharem muito intelectuais.Estou a falar daquelas pessoas que só sabem ter conversas muito profundas, às vezes sobre temas que não têm profundidade nenhuma!É claro que é sempre perigoso cair em generalizações!!!
Mas concordo contigo quando dizes que, hoje em dia, para se ser "pró" nalguma área tem que se ter uma cultura geral enorme, o que contraria o verdadeiro significado da palavra especialista!!!

Anonymous said...

That's a great story. Waiting for more. Probability applications in computers free gallery hunter milf texas ge refrigerator stainless Benadryl neurontin Bentley cars.com Yeast infection impotence all health 4u.info California delhi laser tattoo removal Van rentals miami fl Gravesend patents Electric general ice maker refrigerator State of indiana regulations loan late fees System software installation requirements black jack Breast cancer awareness item Roto flex pizza ovens deal or no deal computer game Strap on car luggage rack Info about plasma tvs cosmetic dentistry houston